Conheçam o que é WordPress

WordPress é um aplicativo de sistema de gerenciamento de conteúdo para web, escrito em PHP com banco de dados MySQL, voltado principalmente para a criação de sites e blogs via web.

Essa é uma das ferramentas mais famosas na criação de blogs disputando diretamente com o serviço do Google chamado Blogger. No entanto, o WordPress é adotado por aqueles que queiram um site mais profissional e com maiores recursos diferenciais.

As causas do seu rápido crescimento são, entre outras, seu tipo de licença (de código aberto), sua facilidade de uso e suas características como gerenciador de conteúdos. Criado por Ryan Boren e Matthew Mullenweg, é distribuído sob a GNU General Public License sendo gratuito.

Com o WordPress, também é possível desenvolver sites de tipo comércio eletrônico, revistas, jornais, portfólio, gerenciador de projeto, diretório de eventos e outros conteúdos devido a sua capacidade de extensão através de plugins, temas e programação PHP

Modelos

O WordPress possui um sistema de modelos, através de um processador de modelos. O usuário pode re-organizar o layout através de widgets sem precisar editar códigos PHP ou HTML; eles também podem instalar e alternar entre temas WordPress.

Os códigos PHP e HTML dos temas também podem ser editados para adicionar funcionalidades personalizadas.

Alguns dos recursos incluem:

  • Gerar XML, XHTML, e CSS em conformidade com os padrões W3C
  • Gerenciamento integrado de ligações
  • Estrutura de permalink amigável aos mecanismos de busca
  • Suporte extensivo a plug-ins
  • Categorias aninhadas e múltiplas categorias para artigos
  • TrackBack e Pingback
  • Filtros tipográficos para formatação e estilização de texto corretas
  • Páginas estáticas
  • Múltiplos autores
  • Suporte a tags (desde a versão 2.3)
  • Pode gerenciar múltiplos blogs em subpastas ou subdomínios (desde a versão 3.0)
  • Importação e exportação de dados
  • API de desenvolvimento de plugins
  • Níveis, promoção e rebaixamento de usuários
  • Campos personalizados que permitem armazenar dados extras no banco de dados

Há aplicações para Android, iPhone/iPod Touch, iPad, Windows Phone 7 e BlackBerry que oferecem acesso a alguns dos recursos do painel administrativo WordPress tanto para o WordPress.com quanto para alguns blogs WordPress.org.

Vulnerabilidades

Em 2007 e 2008, muitos relatos de segurança foram relacionados ao software. De acordo com Secunia, em Abril de 2009, o WordPress tinha 7 advertências sem correções (de 32 do total), com uma taxa máxima de “Menos Crítico”. Secunia mantém uma lista atualizada de vulnerabilidades do WordPress

Em Janeiro de 2007, muitos blogs de SEO, e também sites menores com AdSense, foram alvo de ataques através de uma vulnerabilidade WordPress. Uma vulnerabilidade de um dos sites do projeto permitia inserir códigos vulneráveis na forma de um back door a alguns dos downloads da versão WordPress 2.1.1. O lançamento da versão 2.1.2 corrigiu isso.

Em Maio de 2007, um estudo revelou que 98% dos blogs WordPress eram vulneráveis porque estavam usando uma versão ultrapassada.

Novo Ataque

Em Junho de 2007, Stefan Esser, o fundador do PHP Security Response Team, criticou os relatórios de segurança, citando problemas com a arquitetura da aplicação que tornavam difíceis a escrita de códigos seguros, além de outros problemas.

Em Junho de 2011 a rede wordpress.org foi alvo de ataques. Várias modificações em plugins populares foram observados, algumas contendo códigos maliciosos; as modificações foram revertidas por serem visivelmente suspeitas.

Por precaução, a senha de acesso à rede wordpress.org de todos os usuários precisou ser redefinida.

Desde então, o WordPress tem melhorado em termos de segurança e as últimas versões tem relatos mínimos de vulnerabilidades.

WordPress.org vs. WordPress.com

 

WordPress.org

É o site comunitário do projeto do aplicativo WordPress, onde é possível fazer o download do aplicativo e contribuir com o projeto. Além de dispor o download, o portal também abriga o diretório de plugins e temas, a documentação chamada de Codex, lista de sites que utilizam o aplicativo WordPress, o Fórum de Suporte e o blog oficial.

WordPress.com

É um serviço de propriedade da Automattic que oferece hospedagem gratuita de blogs com software WordPress. Um usuário cria um endereço do tipo omeublog.wordpress.com, mas que inclui certas limitações como a de poder escolher apenas alguns temas, ou de incluir no rodapé o texto “Hospede seu blog com WordPress.com”, e ainda de restringir a utilização de JavaScript, CSS e FTP.

História

Tela “Adicionar novo Post”, na versão 3.2

b2/cafelog, mais conhecido por b2 ou cafelog, foi o precursor do WordPress. Estima-se que o b2/cafelog tenha sido empregado em aproximadamente 2.000 blogs até Maio de 2003. Escrito em PHP para uso em MySQL, o b2 foi escrito por Michel Valdrighi, que é agora um contribuidor no desenvolvimento do WordPress. Embora o WordPress seja o sucessor oficial, outro projeto b2evolution, também está em desenvolvimento ativo.

O nome WordPress foi sugerido por Christine Selleck, uma amiga de Mullenweg.

Em 2004 os termos de licenciamento para o concorrente Movable Type foi mudado pela Six Apart e muitos de seus usuários mais influentes migraram para o WordPress. Em Outubro de 2009, O sistema Market Share Report chegou a conclusão que o WordPress conseguiu criar uma das marcas mais fortes em sistemas de gerenciamento código aberto.

A versão 3.0, lançada em 17 de junho de 2010, fundiu o WordPress MU ao aplicativo principal sendo assim, o projeto WordPress Mu foi descontinuado. O WordPress MU era um fork do WordPress criado para permitir a existência e gerenciamento de vários blogs simultâneos em apenas uma instalação. Atualmente o WordPress pode se tornar multiusuário mediante a algumas configurações.

Segundo o site W3 techs o WordPress continua sendo a ferramenta de gerenciamento de conteúdo mais popular.

Content Management Systems

Most popular content management systems

© W3Techs.com usage change since
1 July 2017
market
share
change since
1 July 2017
1. WordPress 28.5% +0.2% 59.4% +0.2%
2. Joomla 3.3% 6.8% -0.1%
3. Drupal 2.3% 4.7%
4. Magento 1.2% 2.4% -0.1%
5. Blogger 1.0% 2.0% -0.1%
percentages of sites

Fastest growing content management systems since 1 July 2017

© W3Techs.com sites
1. WordPress 426
2. Shopify 70
3. Squarespace 62
daily number of additional sites
in the top 10 million

 

Clique aqui e confiram uma lista resumida de sites que utilizam WordPress

The following two tabs change content below.
Alexandre Queiroz é Carioca legítimo,amante de sua cidade (Rio de Janeiro), muito bem casado, amante de novas Tecnologias, Música Eletrônica, Carros, Viajar, Cachorros e etc. Este site/blog é utilizado somente para compartilhar notícias, guardar soluções próprias, dicas e sem fins lucrativos... É utilizado como hobbie e para armazenar conhecimento.

Latest posts by Alexandre Queiroz (see all)

Compartilhe: